© Daniel Matos

Tempo para Refletir

De: Ana Borralho & João Galante
ESTREIA / 20 ABR > 02 MAI
Sala Estúdio Teatro Nacional D. Maria II
(Lisboa, PT, 2021) M14 / 60' aprox.

Em Tempo para Refletir, Ana Borralho & João Galante questionam a ideia de público como entidade de reflexão, seguindo a lógica que têm desenvolvido no seu trabalho junto de grupos específicos da sociedade. Nesta performance, o público é visto como motor de pensamento e imagem. Um percurso que se cruzará com a poesia de José Miguel Silva, que reflecte de uma forma crua, mas poética e sarcástica, os sinais dos tempos em que vivemos.

Tempo para Refletir é uma peça sobre a vida depois da morte.
Um dispositivo de reflexão e meditação sobre a morte em vida, sobre morrer e voltar a viver. Uma e outra vez. Sobre sobreviver à morte.
Olhar para nós, de fora. Como uma experiência fora-do-corpo.
Vidas desfeitas em bolas de espelhos na era do capitalismo de vigilância.
O autobiográfico ainda mais belo e triste.

A estreia conta com a participação, no seu elenco, com um grupo de actores residentes do TNDMII e 10 alunos finalistas da Escola Superior de Teatro e Cinema.


Conceito, direcção artística, guarda roupa e espaço cénico: Ana Borralho & João Galante
Actores / performers estreia: Beatriz Costa, Cláudio de Castro, Daniela Santos, Daniel Tormo, Ema Marli, Inês Azevedo, Inês Coias, Inês Marques, João Grosso, Leandro Araújo, Maria Roque, Nadezhda Bocharova, Rafaela de Lima
Som: Demetrio Castellucci e João Galante aka Coolgate
Piano (Rêverie – Debussy): Ásia Rosa
Desenho de luz: Eduardo Abdala
Texto: José Miguel Silva
Colaboração artística: Fernando J. Ribeiro
Colaboração dramatúrgica: Rui Catalão
Desenho e construção cenografia: Pedro Campos Costa
Desenho de som: Pedro Augusto
Assistência artística e de ensaio: Cátia (Alface) Leitão
Assistência artística, de produção e ensaio: Daniel Matos

Direcção executiva e administração: Mónica Samões
Direcção de produção e difusão: Andrea Sozzi
Produção executiva: Joana Duarte
Estagiária de produção: Beatriz Nascimento

Produção: casaBranca
Co-Produção: TNDM II
Apoios: Impersol – Películas para Vidros e Revestimentos Adesivos, Teatro Meridional
Agradecimentos: Catarina Gonçalves, David Shrigley, Mark Deputter, Nuno Moura / Douda Correria, Filipa Borges, Tatiana Antunes, Manuel Abrantes e Tiago Gandra

A casaBranca é uma estrutura financiada pela República Portuguesa – Cultura / DGArtes